segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Sobretudo, com prazer

Sorte de hoje: Encontre a felicidade no seu trabalho ou talvez nunca saberá o que é felicidade É o que penso também. Tudo que fazemos na vida tem que ter vontade, prazer e por que com o trabalho ia ser diferente? Às vezes passamos mais tempo lá do que em casa, convivemos mais com os colegas do que com nossos familiares. Todos os dias, são horas e horas, na maioria das vezes, fazendo quase a mesma coisa. Se você não se sentir bem, realmente não quiser fazer aquilo e procurar fazê-lo da melhor forma, nada vai andar. Você vai ser tornar uma pessoa resmungona, chata, resumindo: vai estar perdendo seu tempo. Aaahh, taí uma coisa que eu não suporto: perder tempo. O casamento/noivado/namoro não tá indo bem? Acaba, meu bem! Vai sofrer mas passa! O trabalho não está mais te satisfazendo? Procura outro, meu anjo! Vai em frente, vai buscar o que te faça feliz! Só não vale perder tempo, ficar amargurado reclamando de tudo. Sei que não é fácil, que emprego não se acha alí na esquina, mas não dá pra perder tempo. Teve uma vez que acordei e pensei: "que saco, tenho que ir trabalhar hoje de novo." O que foi que eu fiz? Saí do emprego, pedí demissão! Não, eu não tinha outro em vista não, nem tinha quem me sustentasse.Era eu e eu pra tudo, todas as minhas despesas. Mas quando eu pensei no tempo que eu tava perdendo fazendo algo que não estava me deixando feliz, pedi pra sair. Eu acredito que é assim que tem que ser. Muita gente reclama que jornalista trabalha muito e ganha pouco. Não é nenhuma mentira. Mas antes de entrar na área já sabia que ia ser assim, não sabia?! (isso se aprende na universidade!!) Então agora que entrou vai ficar reclamando é?! Eu eim... Sim, pode não ser a melhor profissão do mundo, mas foi o que eu escolhi pra mim, e o melhor de tudo, amo fazer! Ganho pouco .. é verdade... Mas quer saber?! Eu sou feliz e faço com muito gosto!!!

3 comentários:

Clébio Melo disse...

...e eu assino embaixo! ps.: Esse "meu anjo" tá a cara de Cleide kkkkk

Nanda Sales disse...

Eu sempre achei que trabalho é um casamento, as vezes vc perde o tesão, mas o amor não. e se vc acorda abusada, nunca tá afim, sempre com dor de cabeça, não é fase... o tesão acabou e o amor tb!
Então amiga, a vida continua e outros virão, é assim q eu penso nos dois lados da vida. 'Tô errada?
Bjooo

Gil de todos os dias disse...

Clébio, eu também posso ser doce quando eu quero, tá? Num é só Cleide não!!

Nanda, concordo plenamento contigo! =)