terça-feira, 9 de junho de 2009

Pingos

Aqui passou uma núvem. Pingou e foi embora. Mas foi o suficiente pra molhar. Foi o vento que trouxe. Roubou um pouquinho da chuva Da tempestade que embranquece o céu em cima do mar.

Um comentário:

Jocélio disse...

Uma vez eu estava lendo uma crônica de uma amiga de turma na escola de jornalismo! Era sobre chua... e ela falava assim, bem simples, como o seu.

Sobre a forma como a chuva não se importa em molhar ricos, pobres, bonitos, feios, e etc. Simplesment chove! Insolente, altiva, etc!

Bonitas palavras, bela combinação de palavras!